Será que tenho medo de me assumir?



- Assumir para quem?


- Ué, para mim mesma!


- Sério? Você tá louca?


- Ainda não… Você nunca parou para pensar que muitas vezes vivemos a vida que os outros querem para nós? Que muitas de nós, mulheres, mães e empreendedoras, não sabemos O QUE de fato queremos fazer, COMO e ONDE?


- Nunca pensei nisso… Sempre acreditei que muitas vezes não temos escolhas…


- Eu também pensava assim, até o dia que eu comecei a me olhar com mais carinho, eu queria mais! Queria sentir amor por mim, queria entender QUEM SOU EU, queria descobrir as minhas qualidades… A sociedade enfatiza tanto que precisamos melhorar os nossos pontos fracos que muitas vezes esquecemos de olhar os nosso pontos fortes e a valorizá-los também!


- Faz sentido!


- Claro que se temos filhos, há uma fase de dedicação mais intensa, mas nada durará para sempre, um dia eles terão vida própria! E aí, o que você vai fazer quando esse dia chegar?


- Nossa, mas acho que não dou conta pois eu sou autônoma, faço tudo sozinha… Delego pouquíssimas coisas! Como você consegue?


- Ah, descobri durante esse meu processo que se eu não falar, ninguém vai adivinhar. Se eu não exigir, tem gente que vai fingir. Se eu não me impor, muitos vão desrespeitar. Não mudei da noite para o dia. Foi um processo terapêutico profundo e obviamente não sou a mesma mulher, tampouco conduzo o meu negócio da mesma forma! As consequências? Uma mulher forte, uma mãe confiante e uma empreendedora empoderada.


É a minha vida, não vou me sentar nas margens observando ela passar. Kate Perry


Photo by StockSnap on Pixabay

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo